Travessia Leste – O novo trekking da Chapada dos Veadeiros
27/05/2019

Travessia Leste – O novo trekking da Chapada dos Veadeiros

Foto da Capa: Wikiloc


Um dos principais destinos de ecoturismo de todo o Brasil, o importante e extraordinário Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, localizado no coração do país, ao nordeste do estado de Goiás, possui algumas das mais ricas paisagens distribuídas em uma imensa área de mais de 15 mil quilômetros quadrados e que chega a abranger oito municípios da região. Com isso, a Chapada dos Veadeiros tem capacidade de abrigar uma quantidade surpreendente de atrações, tanto naturais quanto históricas e culturais, e que podem levar muitos dias para um viajante conhecer tudo – é por este motivo, inclusive, que muitos pacotes de agências turísticas incluem apenas os atrativos mais famosos, como, por exemplo, a Cachoeira Santa Bárbara, o Vale da Lua, os Saltos do Rio Preto, o Mirante da Janela etc.

No entanto, pouco se sabe que esses atrativos estão situados ao lado oeste do Parque Nacional, próximos aos municípios que também são mais “famosos”, como Alto Paraíso, São Jorge e Cavalcante. Por conta disso, as atrações situadas ao lado leste do Parque, em municípios menos conhecidos, como São João D’Aliança, acabaram sendo um pouco esquecidas pelo público, mesmo contando com paisagens igualmente incríveis e que valem muito a pena serem inclusas no roteiro.

Com objetivo de não deixar todo esse lado do Parque da Chapada dos Veadeiros passar “batido”, foi criado um novo roteiro de trekking de forma que o turista possa conhecer essa bela região de cerrado ainda mais a fundo e explorar outros atrativos (além daqueles de costume) que ainda são pouco frequentados, como a Cachoeira dos Anjos e Arcanjos, duas quedas encantadoras com águas cristalinas e um tanto escuras, já que são formadas pelo Rio Pretinho; o Vale do Rio Macaco, um complexo com cânions e muitas cachoeiras impressionantes, cujas águas cristalinas possuem tons hipnotizantes; e o Mirante do Moinho, que fica em um povoado de mesmo nome e descortina uma vista de tirar o fôlego de seu vale. Lembrando que todos esses atrativos não estão incluídos em roteiros turísticos tradicionais para a Chapada dos Veadeiros!


Cachoeira dos Anjos e Arcanjos - Foto: Chapinha na Mala

O trekking, que ficou conhecido como Travessia Leste, justamente por explorar a região leste da Chapada, é um percurso de 40 a 70 quilômetros de extensão – dependendo de qual roteiro e quantos dias de viagem você preferir – que liga os municípios de Alto Paraíso e São João D’Aliança. Como a região é extremamente vasta e há muitos pontos para conhecer, é possível escolher de três a oito dias para fazer o trekking, sendo o de oito dias o roteiro mais completo para que você possa explorar tudo que o local tem a oferecer, além de poder conhecer de perto as comunidades locais, que recebem e ajudam os viajantes com muita hospitalidade e simpatia em suas propriedades, onde são montadas os acampamentos para pernoitar.



Para aqueles que preferirem a opção mais curta do roteiro, que inclui de três a cinco dias de trekking, será possível explorar vários outros pontos e atrações além dos que já foram mencionados acima. Por exemplo, a Cachoeira do Rio Cristal (ou dos Cristais), que se trata de uma sequência de pequenas quedas com poços muito cristalinos e perfeitos para banhos; as cachoeiras da Escadaria, com 30 metros de altura, e a Catedral, com 50 metros de altura (ambas que fazem parte do Vale do Rio Macaco, também já citado acima); e o Parque Solarion, uma bela área que abriga campos abertos, mirantes, morros e as cachoeiras dos Anjos e Arcanjos (também já mencionadas).


Cachoeiras da Escadaria e Catedral - Foto: Ion David

Para quem optar por realizar o trekking completo de oito dias – que inclui cerca de 30 quilômetros a mais no percurso –, terá a oportunidade de explorar ainda mais atrativos dessa região leste, como o Sertão Zen, uma trilha cênica através de imensas cachoeiras, montanhas e da vegetação típica de cerrado da Chapada dos Veadeiros; e a Fazenda do Santuário das Pedras, uma Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) e lar de um complexo de diversas cachoeiras do Rio Macaquinho, afluente do Rio Macaco, que forma altas quedas de paredes de quartzo com poços de águas cristalinas e de tons verde-esmeralda, sendo as mais famosas delas as cachoeiras do Banho dos Macacos, Pedra Furada, Poço Sereno e da Caverna, entre muitas outras.


Cachoeira da Caverna - Foto: Viagens Cinematográficas

Silas Barbi

Praticante de trekking, escalada, mergulho livre e profissional de marketing por formação. Acredita em mundo com menos rotina e mais aventura. Suas duas paixões são o Brasil e a Natureza e não é por acaso que o seu principal objetivo de vida é levar as pessoas para conhecer as belezas naturais do Brasil.